resumo

Em seu breve relato, Seu Antonino nos conta a respeito dos caminhos que traçava na infância e adolescência, nos quais trabalhou na roça, na Aracruz e conheceu diversos outros povos indígenas na região norte do Espírito Santo. Traça também um panorama dos desmatamentos feitos por diversas indústrias na Barra do Sahy, onde foi poluída a água e queimada a floresta, que tanto seu povo Tupiniquim tenta restaurar até hoje. Antônio e seu filho (que o acompanhou na entrevista) falam também do processo de loteamento de suas terras nas mãos de agrimensores e industriais. Antônio fala da relação que construiu com os Guaranis (de Caravelas e Comboios) para que, juntos, reforçassem a luta pela demarcação justa

história

Como foi tudo? Foi com parceria, com a ajuda da comunidade, com ajuda das parcerias de fora, eles ajudaram bastante a gente, com todo o cuidado, explicando como a gente deveria proceder, e a gente foi caminhando, até chegar nessa caminhada aqui. A gente trabalhou, não foi fácil. Mas na caminhada ...Continuar leitura



história na íntegra


opções da página