resumo

Quero contar a história do senhor maratonista Francisco Rodrigues de Souza (76 anos). Acredito que poucas pessoas chegam à essa idade com a mesma saúde e disposição. Tenho vinte e seis anos a menos e o conheci na ginástica do Sesc Pinheiros em São Paulo. Meu professor Denivaldo foi logo dizendo sobre sua competência em corridas. Eu, como um curioso novato corredor, me aproximei para ver se algo aprendia. Apesar de pouca conversa não me esqueci de quando falou que na corrida devemos começar devagar e lá pela metade acelerar até o final. Seria legal se tivesse feito assim na minha vida mas, fiz do meu jeito. Hoje com 50 anos completei minha terceira corrida. Ele com 76 anos têm duzentas e quarenta. Qual será o segredo? Na pouca conversa na academia contou-me uma preocupação: iria passar em consulta médica para verificar dor no quadril. Depois da consulta, logo que o vi, perguntei sobre o resultado. Boa e má notícia, ele disse: Primeiro a boa: não era câncer. Ufa, que bom! Mas ai veio à má notícia: não poderia mais correr sob o risco de intervenção cirúrgica uma vez que tinha desgastado a cartilagem do fêmur. Estava arrasado e assim também me deixou. Num primeiro momento fiquei com raiva, mas depois aceitei e decidi motivá-lo nessa nova etapa da vida: falar sobre aquilo que já fez, dar o exemplo, já que o primeiro médico disse que ele não poderia mais correr. Dizem que é mais fácil falar do que fazer. Para ele de fato vai ser. Ele vai nos contar o que fez, como fez, quando fez e principalmente o porquê de tudo isso. Sua última prova será em breve, correrá menos e, assim espero, se permitirá andar se for o caso. Eu só vou ouvir, registrar e principalmente aprender. Espero que você também.

história

O seu Francisco começou a correr em 1988, tinha na época 55 anos. Casado com a Sra. Luzia Nakao e pai de José, Miriam, Meire e Francisco. E porque começou a correr? A motivação veio dos colegas do curso de condicionamento físico da Escola de Educação Física da USP que frequentava já a ...Continuar leitura




opções da página