resumo

Maria Cristina nasceu no Chile em 1962 na cidade de Temuco. Por conta da profissão de seu pai, um policial, ela mudou de cidade várias vezes durante a infância. Na escola ela conheceu seu marido, aos dezessete anos casou e parou de estudar. Maria acredita que teve dificuldades na escola por ter sofrido um acidente. No ínicio a rotina de casada a assustou, ele quase se mudou para a capital do país para se separar. Com a ditadura de Pinochet o desemprego impactou o país, assim como a família de Maria. O casal se mudou para o Brasil em busca de emprego, Maria não queria se distanciar dos pais e parentes no Chile. O trajeto até São Paulo foi feito de micro ônibus, durante a viagem Maria foi ignorada pelo marido que ficou conversando com outra moça, essa foi a primeira decepção. Na capital paulista ela consegiu um emprego na Rodoviária Tietê, mas as diferenças culturais e o tabu a fizeram sair do trabalho. A primeira briga com violência física no casamento aconteceu quando ele voltou da farra. Maria ficou grávida pela primeira vez, mas demorou para descobrir. A segunda gravidez foi complicada, ela teve gastrites fortes, não conseguia comer, e foi internada no hospital. Depois do parto o marido teve dúvidas se o filho era realmente dele, porque a criança nasceu com a pele escura. Maria fez um curso de depilação no Senac quando conseguiu convencer o marido a pagar. Ela conta como estranhou o sotaque chileno no primeiro retorno ao país, percebeu que sua família mudou e se sentia como uma brasileira, porém foi emocionante rever os parentes. A cada dia o marido se afastava mais de Maria e dos filhos, as traições foram cada vez mais frequentes, ele chegou a se apaixonar pela sobrinha dela. Chegou o momento do divórcio, foi um processo difícil. Maria é muito próxima dos filhos, gosta muito de conversar com suas clientes e frequenta o grupo das senhoras chilenas.

imagens (6)

get_date(); ?>

Passeio turístico

data (ou período): Ano 1993 Imagem de:Maria Cristina Fuentealba Carrasco

get_date(); ?>

Gerações

data (ou período): Ano 1993 Imagem de:Maria Cristina Fuentealba Carrasco

get_date(); ?>

Viagem e devoção

data (ou período): Ano 1994 Imagem de:Maria Cristina Fuentealba Carrasco

get_date(); ?>

Além da união: um abraço

data (ou período): Ano 1996 Imagem de:Maria Cristina Fuentealba Carrasco

get_date(); ?>

De passagem

data (ou período): Ano 2006 Imagem de:Maria Cristina Fuentealba Carrasco

get_date(); ?>

Marcas do Brasil

data (ou período): Ano 2006 Imagem de:Maria Cristina Fuentealba Carrasco

fechar

Passeio turístico

Maria Cristina em passeio no museu do Ipiranga com a família. Esq. Dir: Maria Cristina, Paula (filha), Marta (mãe), Carlos (pai) e Cristian (filho)

período: Ano 1993
local: Chile
crédito: Fotografia do acervo pessoal
tipo: Fotografia

Gerações

Maria Cristina, Tomás (avô de Paula) e Paula (filha) sorrindo para a foto

período: Ano 1993
local: Chile
crédito: Fotografia do acervo pessoal
tipo: Fotografia
Palavras-chave:

Viagem e devoção

Cristian (filho), Maria Cristina, Ednei (amigo) e Paula (filha) em viagem a Aparecida do Norte. Maria Cristina segura uma Nossa Senhora na cidade da padroeira do Brasil

período: Ano 1994
local: Chile
crédito: Acervo pessoal
tipo: Fotografia

Além da união: um abraço

Maria Cristina e sua filha, Paula, abraçadas no sofá.

período: Ano 1996
local: Chile
crédito: Fotografia do acervo pessoal
tipo: Fotografia
Palavras-chave:

De passagem

Cristian (filho), Paula (filha) e Maria Cristina de passagem pela Argentina, rumo ao Chile

período: Ano 2006
local: Chile
crédito: Fotografia do acervo pessoal
tipo: Fotografia
Palavras-chave:

Marcas do Brasil

Tomás (pai de Paula), Maria Cristina e Paula (filha) em viagem ao Chile. Maria e Paula com camisetas de futebol, do Brasil e do São Paulo, respectivamente.

período: Ano 2006
local: Chile
crédito: Fotografia do acervo pessoal
tipo: Fotografia
Palavras-chave:

história na íntegra


histórias que você pode se interessar

opções da página