fechar

Foto da família perfeita

Foto da família, tirada na casa de uma filha. Arno comentou que todos são boas pessoas, por isso são uma família perfeita.

período: Ano 2015
local: Brasil
crédito: acervo pessoal
tipo: Fotografia
Palavras-chave:

Retrato

Imagem Making Off.

crédito: Acervo Pessoal
tipo: Fotografia

Cavalgada Aluizio Viana

Foi realizada uma cavalgada em sua homagem na cidade de Taipu-RN, após o seu falecimento, com a benção do Padre Helenildo, pároco da cidade na época.

período: Ano 2020
tipo: Fotografia
Palavras-chave:

Foto com presidente Tancredo Neves

período: Ano 2020
tipo: Fotografia
Palavras-chave:

Aniversário (Vó Rosa e Pai Rosivaldo)

período: Ano 2016
história: O reencontro
crédito: eu
tipo: Fotografia
Palavras-chave:

Feliz

Seu sorriso já declara a felicidade de estar entre os familiares

período: Ano 2019
história: Memórias de Maria
crédito: Arquivo familiar
tipo: Fotografia

Maria Carinho

Após contar suas memórias, um registro cheio de carinho

período: Ano 2019
história: Memórias de Maria
crédito: Alunos do Ensino Fundamental
tipo: Fotografia

Alimentando os pombos

Adolfo alimenta os pombos na Piazza del Duomo. Nesta época, ele estava à procura de trabalho.

período: Ano 1957
local: Itália / Milão
crédito: Acervo Pessoal
tipo: Fotografia

Livro A Gente vai Morrer Mesmo - autor: Jeferson B

A Gente Vai Morrer Mesmo é uma verdade suprema, indiscutível e libertadora. Uma filosofia poderosa que transforma vidas banais em aventuras emocionantes. Junto com a Maria, a minha fiel companheira de loucuras, mandamos tudo às favas para mergulhar de cabeça nesse delírio. A obra trata disso: da forma como os autores Jeferson Biela e Maria Formosinho conseguiram se libertar de tudo o que já não era mais útil em suas vidas. Ambos venderam o que tinham, largaram seus empregos, casa, conforto, segurança… Deram um grande adeus à velha vida e abraçaram com toda a força as novas e incríveis experiências que surgiam. Assim, alguns anos e aventuras depois, nasceu este livro, que está longe de ser um simples diário de viagens ou algo do gênero “auto-ajuda”. Ele também não trata das grandes verdades da vida e muito menos te mostrará o caminho exato a seguir. Como os próprios autores comentam: “Fizemos tudo o que deu vontade de fazer. Todas as viagens, todas as experiências e aventuras loucas. Tudo o que vinha à mente. Tudo mesmo. Sem medo. Sem a preocupação de reservar hotéis ou comprar passagens com antecedência. Cada decisão tomada era fruto de um devaneio momentâneo. Olhar uma placa na rodovia com uma vaca era um “sinal” de que “deveríamos” ir para a Índia, assim como perceber uma figura de um canguru na mochila de alguém era um “chamado” para ir morar na Austrália. Víamos “sinais” em qualquer coisa. Tudo era um pretexto para pegar a estrada.” Seja em rituais com as tribos indígenas da Amazônia, perdendo as unhas no Caminho de Santiago de Compostela, meditando e testando os anticorpos no caos da Índia, sofrendo os efeitos do ar rarefeito em uma montanha no Chile ou ainda experimentando um jejum prolongado de quase um mês em uma ilha deserta no Brasil, foram seis anos vividos intensamente, sempre arriscando tudo. Mas confiantes de que definitivamente ninguém morre antes da hora.

período: Ano 2019
imagem de: Jeferson Biela
crédito: Jeferson Biela
tipo: Ilustração
Palavras-chave:

Inglaterra - Visita ao Museu Ayrton Senna em Donin

McLaren usada por Ayrton Senna na melhor primeira volta da história do Formula 1

imagem de: Jeferson Biela
crédito: Jeferson Biela
tipo: Fotografia

Deserto da Austrália - A Gente vai Morrer Mesmo

Visita a Uluru no deserto da Austrália e encontro com os aborígenes.

imagem de: Jeferson Biela
crédito: Jeferson Biela
tipo: Fotografia

Encontro com Dalai Lama nos Himalaias

Meditando com os monges em Dharamshala e o encontro emocionante com o Dalai Lama

imagem de: Jeferson Biela
crédito: Jeferson Biela
tipo: Fotografia

Caminho de Santiago de Compostela

Fora 860km feitos em 29 dias. Partimos de Saint-Jean-Pied-de-Port, na França, atravessando os Pirineus sentido Roncesvalles.

imagem de: Jeferson Biela
crédito: Jeferson Biela
tipo: Fotografia
Palavras-chave:

Meditando na Cachoeira - Brasil

Jeferson Biela é brasileiro mas mora em Portugal. Gosta de abrir a mente, da calmaria, mas também da adrenalina. Desenha, escreve, constrói coisas e conserta outras. Medita, brinca, faz yoga, fala abobrinha, é vegetariano. Ama a natureza e os animais, mas está longe De ser um ativista chato. adora cães, mas aprendeu a gostar muito de gatos. Prefere mochilão à programação. “Siga o coração” e “experiência científica” São os seus termos preferidos. “não esquente a cabeça senão caspa vira pipoca” É a sua filosofia de vida!

imagem de: Jeferson Biela
crédito: Jeferson Biela
tipo: Fotografia

Índia - surf no Elefante

Conhecer a Índia foi a aventura mais louca de todas!

imagem de: Jeferson Biela
crédito: Jeferson Biela
tipo: Fotografia

Machu Picchu - Peru

Aventura na América do Sul - livro "A Gente Vai Morrer Mesmo"

imagem de: Jeferson Biela
crédito: Jeferson Biela
tipo: Fotografia