fechar

São João

Seu Sebastião e família fizeram uma festa de São João na casa da filha caçula. Se reuniram só os filhos e os netos no quintal. Fizeram uma festa com churrasquinho e salgadinho, e tocaram até 1 ou 2 horas da manhã, e depois todo mundo foi pra sua casa.

período: Ano 2022
local: Brasil / Mato Grosso Do Sul / Corumbá
crédito: Acervo Pessoal
tipo: Fotografia

Parentes homens

Os homens da família de Seu Sebastião: primos, irmãos, sobrinhos e netos. Os netos são o menino e a criança no colo dele. Os de camisa preta e amarela, ao lado dos netos, são sobrinhos dele, filhos da irmã dele.

período: Ano 2019
local: Brasil / Mato Grosso Do Sul / Corumbá
crédito: Acervo Pessoal
tipo: Fotografia
Palavras-chave:

Reunião da irmandade

Grupo composto por irmãos, cunhados e noras. Os parentes estão espalhados por aí, então gostam de se reunir no fim de ano.

período: Ano 2019
local: Brasil / Mato Grosso Do Sul / Corumbá
crédito: Acervo Pessoal
tipo: Fotografia
Palavras-chave:

Família

Seu Sebastião, sua esposa, seu único filho e as quatro filhas. Duas de suas filhas, Andrea e Andreza, são gêmeas (atrás, em pé). Ele e o filho fazem aniversário quase juntos. No dia 20 de dezembro é aniversário de casamento, no dia 21 é aniversário dele e no dia 23 é aniversário do filho.

período: Ano 2018
local: Brasil / Mato Grosso Do Sul / Corumbá
crédito: Acervo Pessoal
tipo: Fotografia
Palavras-chave:

Miniaturas

Mini violas de cocho, feitas para decoração. Seu Sebastião cria miniaturas da viola de cocho e com elas faz porta lápis, chaveiros e brincos.

local: Brasil / Mato Grosso Do Sul / Corumbá
crédito: Acervo Pessoal
tipo: Fotografia

Cravando a viola

Uma viola de cocho durante seu processo de produção. Seu Sebastião cava a madeira e tira todo o resíduo interno. Diferente do violão, a viola de cocho não é montada, é um pedaço grosso de madeira que é cavado.

local: Brasil / Mato Grosso Do Sul / Corumbá
crédito: Acervo Pessoal
tipo: Fotografia

Memória

Salinha na casa de Seu Sebastião onde ele guarda suas violas de cocho e objetos importantes para ele. Seu objetivo é criar um espaço da memória dele dentro de casa e no futuro abrir um museu.

local: Brasil / Mato Grosso Do Sul / Corumbá
crédito: Acervo Pessoal
tipo: Fotografia

Oficina

Seu Sebastião construindo uma viola de cocho em sua oficina que fica no quintal da sua casa. Essa oficina, ele montou através de um edital da Funarte em 2019. Ele aproveitou o espaço de 40 metros que tinha no quintal. Muitas pessoas lhe visitam para conhecer sua oficina e adquirir suas violas. Até estrangeiros e musicistas já se hospedaram em sua casa.

período: Ano 2022
local: Brasil / Mato Grosso Do Sul / Corumbá
crédito: Acervo Pessoal
tipo: Fotografia

Andador de São João

Esse andador da imagem foi feito em madeira e cravejado com parafusinhos de fenda, para não ter perigo de desmontar caso molhe. Seu Sebastião faz andadores para as festas de São João. Esse ano ele fez no total de 8 andadores, nos quais 2 ganharam um concurso dos melhores andadores. Há muitos concursos desse tipo na região. De acordo com ele, no dia da festa os encarregados levam o andor contendo a figura de São João para dar banho nele dentro do rio.

período: Ano 2022
local: Brasil / Mato Grosso Do Sul / Corumbá
crédito: Acervo Pessoal
tipo: Fotografia

Noites no Pantanal

Trata-se de uma aquarela.

período: Ano 1997
crédito: Jacky Castilho
tipo: Ilustração
Palavras-chave:

Voo do Tuiuiú

Trata-se de uma aquarela.

período: Ano 1997
crédito: Jacky Castilho
tipo: Ilustração
Palavras-chave:

A subida do Rio São Lourenço – PANTANAL – Mato Grosso

Trata-se de uma aquarela.

período: Ano 1997
crédito: Jacky Castilho
tipo: Ilustração
Palavras-chave:

Johnson & Johnson para as mães

Capa da Johnson & Johnson em revista, veiculada internamente aos funcionários da empresa. Destacam-se as matérias sobre o lançamento do Tylenol, um poema dedicado ao dia das mães e sobre os funcionários que receberam bolsas de estudo através do Clube do Empregado Bolsista.

período: Ano 1980
local: Brasil / São Paulo / São Paulo
crédito: Acervo Pessoal
tipo: Documento

Calendário da empresa

Calendário produzido pela divisão farmacêutica da Johnson & Johnson.

período: Ano 1971
crédito: Acervo Pessoal
tipo: Fotografia

Vademecum do propagandista vendedor

O vademecum do propagandista vendedor representa a relação de produtos comercializados pela divisão farmacêutica e tem a finalidade de levar ao conhecimento do propagandista vendedor as informações científicas de cada medicamento, questão obrigatória para esse profissional. O documento era elaborado pelo serviço médico científico da divisão farmacêutica e publicado pela Johnson & Johnson em revista, aos quais Tércio estava ligado.

período: Ano 1971
local: Brasil / São Paulo / São Paulo
crédito: Acervo Pessoal
tipo: Fotografia

O Tylenol infantil

Tércio participa de convenção onde ocorreu o relançamento do Tylenol, versão infantil.

período: Ano 1989
local: Brasil / Paraná / Curitiba
crédito: Acervo Pessoal
tipo: Fotografia