Ano 1968

Animando a festa

data (ou período): Ano 1968 Imagem de:Maria Adelaide Vieira

Ano 1956

Estrelando: João Dias!

data (ou período): Ano 1956 Imagem de:Josepha Theotonia de Brito

Sem informação de data

Adeus ano velho!

data (ou período): Sem informação de data Imagem de:Jorge Kalache Filho

Ano 1967

A plenos pulmões

data (ou período): Ano 1967 Imagem de:Josino de Brito Campos

Ano 1960

Luar de Prata

data (ou período): Ano 1960 Imagem de:Josino de Brito Campos

Ano 1988

Trio da parceria

data (ou período): Ano 1988 Imagem de:Josino de Brito Campos

fechar

Animando a festa

Maria Adelaide canta na festa de final de ano da Companhia de Telecomunicações do Brasil Central (CTBC), no prédio da Central 234. Esq.-dir.: Joaquim, filha de Athayde Barata, Adelaide, Noemia, Leila, Geraldo e não identificado.

período: Ano 1968
local: Brasil / Minas Gerais / Uberlândia
crédito: Acervo Pessoal
tipo: Fotografia

Estrelando: João Dias!

Assinatura do contrato de João Dias, cantor de muito sucesso na época. Joaquina, Icéia, Josepha, Noêmia, Maria (todos funcionários) e João Dias (cantor).

período: Ano 1956
local: Brasil / Rio De Janeiro / Rio De Janeiro
crédito: Acervo pessoal
tipo: Fotografia

Adeus ano velho!

Dupla cantando em festa de fim de ano do BNDES

imagem de: Jorge Kalache Filho
crédito: Acervo pessoal
tipo: Fotografia

A plenos pulmões

Show no Clube Trespontano por ocasião da colocação da música “Travessia” no 2.º FIC. À frente: Fernando Brant, Wagner Tiso, Bituca, Novelli. Atrás: Vaval e Celso Mesquita. Milton Nascimento participou do Festival Internacional da Canção, o 2.º FIC, em 1967, faturando o segundo lugar e o prêmio de melhor intérprete com "Travessia", música sua e de Fernando Brant. Gravou o primeiro disco nesse mesmo ano, viajando em seguida para os Estados Unidos, onde grava "Courage", em 1968. A partir daí gravou discos que marcaram época, como "Milton", "Minas", "Gerais" "Milagre dos Peixes" e os dois volumes de "Clube da Esquina", que acabaram intitulando toda a geração mineira emergente; Lô Borges, Beto Guedes, Toninho Horta, Wagner Tiso, Nivaldo Ornellas, Nelson Ângelo, Tavito e outros.

período: Ano 1967
local: Brasil / Minas Gerais / Três Pontas
história: Um pai de coração
crédito: Josino de Brito Campos
tipo: Fotografia

Luar de Prata

O grupo Luar de Prata, formado por Bituca (ao fundo, segurando o microfone), Duílio (piano), Djalma Tiso, e duas pessoas não identificadas, apresenta-se no Automóvel Clube.

período: Ano 1960
local: Brasil / Minas Gerais / Três Pontas
história: Um pai de coração
crédito: Josino de Brito Campos
tipo: Fotografia

Trio da parceria

Márcio Borges, Tadeu Franco e Milton Nascimento: amigos de esquinas mineiras reunidos. Milton mudou-se para Belo Horizonte onde conheceu alguns músicos e compositores que viriam a ser seus parceiros, como Márcio Borges, seu irmão Lô Borges e Fernando Brant. Na capital mineira participou de diversos conjuntos e foi em 1965 para o Rio de Janeiro, onde chegou a gravar com o grupo Sambacana. Participou de festivais em 1966 e 67, quando obteve o segundo lugar com "Travessia", sua e de Fernando Brant, e ganhou o prêmio de melhor intérprete. Gravou o primeiro disco nesse mesmo ano, viajando em seguida para os Estados Unidos, onde grava "Courage", em 1968. A partir daí gravou discos que marcarm época, como "Milton", "Minas", "Gerais" "Milagre dos Peixes" e os dois volumes de "Clube da Esquina", que acabaram intitulando toda a geração mineira emergente; Lô Borges, Beto Guedes, Toninho Horta, Wagner Tiso, Nivaldo Ornellas, Nelson Ângelo, Tavito e outros.

período: Ano 1988
história: Um pai de coração
crédito: Josino de Brito Campos
tipo: Fotografia